domingo, 7 de agosto de 2016

Livro de Youtuber:ler ou não ler?





Oi pessoal!!Tudo bom?Como passaram o fim de semana?Por aqui tudo bem tranquilo,com muita leitura,visita a blogs,canais no Youtube......
Falando em Youtube,lembram que na última postagem eu disse que teríamos polêmica no próximo post?Então vamos a ela.

É inegável que atualmente gravar vídeos sobre diversos assuntos está cada vez mais em evidência,seja para falar de livros,músicas,culinária,games.....
E nessa onda de sucesso,alguns Youtubers (nome dado a pessoas que gravam vídeos e possuem canal no site) resolveram publicar livros.A maioria faz a opção por contar sua biografia de uma forma mais dinâmica,como se estivessem gravando e outros resolvem escrever uma história mesmo.
Baseado nisso,muitas pessoas acabam tendo preconceito com relação a esse tipo de livro,alegando que não tem conteúdo,que a pessoa não tem talento para escrever,entre outras coisas.
Concordo que muitos resolvem publicar por dinheiro,afinal se o canal faz sucesso,o livro fará igual sucesso ou até mais.Existem pessoas que compram sem nem saber a história,apenas por quem a escreve,o que vai gerando sucesso para o autor.
Muitos não querem nem saber se a história está boa ou não,querem saber que seu livro irá vender e que vai gerar lucro.
Só que existem Youtubers que não pensam dessa forma.Muitos tem algo a falar,algo a acrescentar e merecem um pouco de nossa atenção.
Temos nomes como Isabela Freitas com o seu Não Se Apega e Não Se Iluda,Não que apesar da pouca idade possui uma mentalidade muito bacana sobre relacionamentos e que com certeza pode se encaixar para qualquer um.
Lançando livro agora temos a Pam Gonçalves,a Bel Rodrigues,o Pedro Pereira e o Hugo Francioni que escreveram O Amor Nos Tempos de Likes,livro esse que não deixa nada a dever para muitos lançados lá fora.E olha que a Pam já vai lançar seu segundo livro!
Isso só pra citar alguns.
Lógico que existem outros que a gente acaba se perguntando o motivo de ser escrito.Cito por exemplo o livro da Kéfera,o do Christian Figueiredo e o da Viih Tube.Com todo o respeito a quem gosta,mas por exemplo,biografia de uma garota de 15 anos?Me desculpem,mas não dá,não entra na minha cabeça.Pra mim isso não funciona.
Pessoalmente falando,eu seleciono muito os livros que leio e com livro de Youtuber não é diferente,Se é algo que eu vejo que não vai dar em nada,nem pego pra ler.
Mas existe o outro lado.De repente pra uma pessoa,um adolescente,uma criança,enfim,pode ser que o livro da Kéfera seja o que vai abrir o caminho para que aquela pessoa se torne um leitor ativo,que busca outras leituras mais a frente,temos que saber respeitar isso.Não é porque não funciona pra mim que não irá funcionar para alguém.Tem livro de Youtuber,assim como outros que eu me recuso a ler,mas que para alguém pode ser o livro de cabeceira,o pontapé inicial na leitura.
Jamais desencorajem ou recriminem alguém que leia algo de um Youtuber.Você não sabe o que aquela leitura pode representar para quem está lendo,por mais que para você pareça ser uma leitura sem sentido.
Temos que buscar incentivar a leitura e parar de preconceito.Gosto é gosto,vamos respeitar isso.Já pararam pra pensar que muita gente pode se privar do prazer da leitura justamente por preconceitos assim?
Vamos prestar mais atenção a nossas atitudes!
Não é porque eu não leio um determinado livro que outra pessoa não pode ler.
Vamos incentivar a leitura sempre!O leitor que hoje lê sei lá,Chrstian Figueiredo,Kéfera,pode ser o mesmo leitor que mais pra frente pode estar lendo outros tipos de livros.Inclusive a gente não sabe o impacto que um livro pode ter na vida de uma pessoa.Aquele livro que você acha bobo,inútil,pode conter algo que alguém precisa ler e servir exatamente pra essa pessoa passar por alguma situação ou superar um momento complicado.
Vamos deixar de preconceito e respeitar.
Se não gosta,não leia,mas não impeçam outras pessoas de ler,simples assim.


Então gente,volta e meia gosto de uma postagem mais polêmica.Sei que esse é um tema recorrente e quis trazer aqui.Eu mesmo recriminava quem lia determinado livro de Youtuber,mas reparei que recriminar não é o certo,o caminho é respeitar,incentivar a literatura.
Jamais leria algo da Kéfera por exemplo,mas qual o problema se de repente meu filho (não,não tenho filho kkkkkkkkk) começasse a ler o livro dela?Eu deveria ficar feliz que ele está lendo algo e não recriminá-lo.É dessa forma que comecei a pensar de uns tempos pra cá.
Espero que tenham gostado da postagem gente!
E vocês,o que pensam de livros de Youtubers?Já leram algum?Indicariam?
Deixem suas opiniões!
Vou indo nessa galerinha,até a próxima!
Abraços e boa semana a todos!




Créditos das Imagens:
Submarino

16 comentários:

  1. Exatamente, existem muitos preconceitos com vários tipos de livros, não apenas os escritos por youtubers. A verdade é que o povo reclama de todos os gêneros e existem preconceitos por todos.
    Eu particularmente li um e não gostei, mas deixei claro na resenha os motivos e ainda disse que poderia agradar as outras pessoas. Até porque não gostei da construção da história e dos erros. Mas isso é insignificante para os outros. Em momento algum coloquei que o problema era porque eram youtubers. Aí que começa o preconceito e acho isso ridículo.
    Não é porque é um youtuber que o livro vai sair ruim e porque não é que sairá bom. Todo tipo de livro é um incentivo para aqueles que estão iniciando.
    Adorei sua opinião, Cláudio.

    Beijos,
    Naty
    http://www.revelandosentimentos.com.br - Escolha o livro do Top comentarista e participe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Naty!
      É por aí mesmo.Precisamos parar com esses rótulos.
      Um bom livro é acima de tudo aquele que é bom para quem está lendo.Não é porque um livro não é bom pra mim que não possa ser para outra pessoa.Importante é sabermos criticar e respeitar quem gosta e vice versa.
      Que bom que gostou!
      Beijos!

      Excluir
  2. "Eu deveria ficar feliz que ele está lendo algo e não recriminá-lo".

    Tenho uma ressalva quanto a isso. Meu filho não estaria se tornando um leitor; mas, talvez, um leitor de Kéfera e seguidor desse tipo de banalidade. Enfim: tenho "ressalvas".
    Bom texto.
    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Kleiton!
      Aí já seria uma outra situação.Incentivo a leitura vem dos pais também.Se eu percebo que meu filho está gostando de ler a partir de algum livro desses,eu iria incentivar outros tipos de leitura com o tempo também,isso faz parte.
      Obrigado!
      Abraços!

      Excluir
  3. Olá.
    Concordo com seu ponto de vista. Na verdade, eu li apenas um livro de Youtuber que foi cedido em parceria com a Editora, mas ele tem um público alvo que são as crianças. Então posso dizer que não curti a leitura. Sobre os livros da Isabela eu tenho curiosidade, pois vejo que não é só mais uma "maquina de fazer dinheiro". Talvez eu leia um dia. Gostei bastante do seu post.

    Obrigada pela visita em meu blog. Gostei bastante do seu e já estou seguindo. :D (http://psamoleitura.blogspot.com.br)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Pois é,ainda tem essa questão do publico alvo.Muitos livros de youtubers estão sendo lançados mais para o público infantil e juvenil,o que leva muita gente a não gostar mesmo.
      Os livros da Isabela são excelentes!Recomendo bastante a leitura,nos ensina muito a respeito de relacionamento e autovalorização.
      Obrigado,que bom que gostou,fique sempre à vontade por aqui!
      Abraços!

      Excluir
  4. O maior problema disso tudo não é que esses adolescentes estejam lançando livros de "biografia". Os livros não são de biografia, uma biografia não é, nem de longe, tão resumida quanto esses livros. Biografia conta cada detalhe da vida. Os livros da Viih Tube, Christian Figueredo e Kéfera são livros de MEMÓRIAS, e muita gente confunde. Dito isso, ok. Agora parte a indignação de "ah, mas eles são youtubers, eles não fizeram nada". E se fosse o livro de um cantor jovem de vinte anos, você, fã, leria? Aposto que sim. É interessante ler sobre a vida de quem você admira, seja quem for. As crianças que veem esses vídeos vão querer ler. E não há outro público alvo: os youtubers atingem crianças e as crianças precisam conhecer esses livros para descobrir o hábito da leitura. Eu comecei a ler depois que conheci o livro do meu ídolo, Kurt Cobain. Foi uma biografia completa de mais de 500 páginas, mas não deixa de ser o livro de um ídolo, alguém famoso. Não, não estou comparando Kurt Cobain com Christian Figueiredo (NÃO!), só queria comparar a situação de "ídolos".
    E acho que pessoas que não admiram Kéfera, Christian ou Viih Tube não deviam falar nada desses livros. Não cabe à (nós) eles, entende?
    whoosthatgirrl.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Renata!
      Isso é uma verdade.Eles são vendidos como biografias apesar de serem livros de memórias mesmo.
      É muito relativo.Se eu me interesse por ler a biografia de algum cantos,ator,enfim eu leria,assim como eu também leria um livro da Kéfera por exemplo se eu tivesse interesse.
      Não recrimino de forma alguma quem leia Viih Tube,Christian Figueiredo e afins,de forma alguma,só realmente não funciona pra mim e eu não leria,mas acho importante se de repente para algum jovem,criança ou até mesmo adulto,um desses livros for a porta de abertura para se iniciar no mundo da literatura.Eles tem a sua importância sim.
      Abraços!

      Excluir
  5. Oi Cláudio, tudo bem?
    Concordo completamente com você. eu gosto dos videos da Kéfera, mas o livro não me interessa, mas entendo, que muitas crianças, e adolescente estão começando a ler graças a livros de Youtubers, e isso é muito bom, incentivar a leitura, da forma que for.
    Apesar de alguns Youtubers lançarem livro só pelo dinheiro, e outros com 7 anos, como o Isaac, não entendo o que tem a passar :/
    Mas acho que Youtubers como a Pam, a Bruna Vieira, e a Isabela, merecem todo o reconhecimento do mundo, a Bruna por exemplo, era colunista da Capricho, já tinha livros lançados, e tudo.
    Enfim, eu não leria, mas como você falou, devemos apoiar quem gosta.
    Ótimo post, como sempre <3
    Beijos!
    Lost Words

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aline!Tudo ótimo e você?
      Exatamente!
      Mais do que julgarmos,precisamos entender que muitas pessoas começam no mundo da literatura através desses livros.Acima de tudo temos que incentivar a leitura.
      De alguma forma eles acrescentam algo para alguém e isso é sempre válido.Não é porque eu não leio que não vá servir para uma pessoa,precisamos pensar mais assim.
      Ahhhhhhh obrigado!!! :)
      Beijos!

      Excluir
  6. Issoooo, concordo plenamente contigo! Eu acho alguns livros de youtubers MUITO desnecessários, como o livro do JapaTV (que ele teve que tirar das livrarias e tudo), livro que ele mesmo admitiu que não foi ele que escreveu e que nem leu antes de lançar... Claramente tudo por dinheiro, né? Mas também não dá pra deixar alguns youtubers mancharem a imagem de todos, tenho os livros da Bruna Vieira e acho ela uma ótima escritora, e a Isabela Freitas, pelo que falam, escreve muito bem também. De qualquer modo, seja livro de youtuber ou não, o importante é ler, né? Vamos julgar menos e incentivar mais ^^
    Um beijão,
    Gabi do likegabs.blogspot.com ♡

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gabriela!
      Falou tudo,julgar menos e incentivar mais,é assim que deve ser.
      É tão legal ver uma criança lendo,gostando do que está lendo e procurando outros livros.Isso faz parte de uma evolução natural,não sei porque tem gente que recrimina.
      Vamos incentivar mais e parar de mimimi!!
      Beijos!!

      Excluir
  7. Concordo totalmente, assino em baixo. Não faz sentido alguns Youtubers publicarem livros que não tem nexo, e de fato, alguns deles nunca nem leram um livro, por que teria a capacidade de publicar um!?
    Quero mais posts de polêmico hahaha adorei!!!
    Abr

    http://blog-myselfhere.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bárbara!
      Exatamente.Muitos na verdade sequer escreveram,ainda tem esse "pequeno" detalhe.É aquilo,eu não leria,mas se é pra incentivar a leitura,acho válido!
      Pode deixar que terão mais posts polêmicos hahhahahahahaa
      Abraços!

      Excluir
  8. Adorei seu post da polêmica hahhahaha
    Se for um autobiografia, eu não leio. Agora se for alguma história de ficção, dependendo de como for, eu dou uma chance
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luiza!
      hahahahahahahha obrigado!
      De vez em quando apareço com alguma polêmica aqui.
      Depende muito do youtuber,da história....agora tem uns que só pela capa a gente vê que realmente não vale a pena ler.
      Mas gosto muito das histórias de ficção.
      Mas volto a frisar:se é pra estimular o hábito de ler acho válido,mas não são livros pra mim.
      Beijos!

      Excluir