sábado, 25 de novembro de 2017

Resenha:A Soma de Todos Os Beijos


Livro:A Soma de Todos Os Beijos
Autora:Julia Quinn
Páginas:272
Editora:Arqueiro
Tradução:Ana Rodrigues e Maria Clara de Biase



Sinopse

Lorde Hugh Prentice é um gênio da matemática e teve sua perna (e sua vida) arruinada por causa de um duelo com seu amigo, Daniel Smythe-Smith.
Nesse livro, conheceremos um pouco da história de Hugh, antes e depois do acontecido. Sua família, o desespero de seu pai para conseguir que um de seus filhos lhe desse um herdeiro, visto que um não é chegado à mulheres e o outro, provavelmente terá dificuldades em encontrar uma esposa, e principalmente em ter filhos.
E, claro, sua relação de amor e ódio com Sarah Pleinsworth, prima mais velha de Daniel, que mesmo antes de conhecê-lo, já odiava Hugh por ter arruinado sua família através desse duelo.
Mas, as coisas começam a mudar quando Honoria, sua prima, pede para Hugh substituir seu padrinho no casamento e para Sarah ser sua acompanhante durante sua estadia, para que ele ficasse mais confortável diante dos familiares de Daniel. E esse tempo se prolonga, já que Daniel se casará duas semanas depois da irmã e resolve torná-los uma única festa...
É claro que eles não se dão no início, mas com o tempo, ainda mais depois do primeiro casamento, quando ela fica impossibilitada de andar, eles deixam as diferenças de lado e começam a se conhecer realmente, e, o que era ódio, acaba se tornando uma paixão avassaladora.
Mas as limitações de Hugh vão ser apenas um dos problemas que o casal enfrentará pelo caminho...


Oi gente!Como vocês estão?Espero que bem e aproveitando bem o final de semana!
Hoje tô no clima de resenhas e como temos algumas para colocar em dia,achei legal escolher mais um livro para falarmos aqui.
E num clima romance de época,o escolhido foi A Soma de Todos Os Beijos,da autora Julia Quinn.
Ainda não terminei de ler a série do quarteto Smythe-Smith,mas mês que vem provavelmente pego o último livro da série pra ler.
Apenas um aviso:quem ainda não leu,pode ser que acabe pegando alguma informação dos livros anteriores,mesmo que eu tente minimizar ao máximo isso,então cuidado.


O personagem principal aqui é Hugh Prentice,amigo e responsável pela saída de Daniel para outro país.
Ele é um jovem super inteligente,muito reservado e misterioso.
Uma alma que busca redenção e paz.Ele só não podia imaginar que essa paz teria nome:Sarah,prima de Daniel que nutre um ódio profundo por Hugh.
Com o casamento de Daniel chegando,as coisas estão prestes a mudar.
Talvez Hugh não seja tão ruim quanto Sarah pensa.
Talvez Sarah não seja a menina fútil e simples que Hugh imagina.
Seria possível essa relação dar certo,mesmo que um segredo terrível e complicado esteja presente na vida de Hugh?E o seu pai,será que ele vai deixar sua vida e a de Daniel?



Pessoas,admito que esperava um pouco mais desse livro,principalmente depois do segundo que foi muito maravilhoso.
Mas foi interessante conhecer a história do Hugh Prentice,saber tudo o que aconteceu com ele depois do ocorrido entre ele e Daniel.Dessa forma,a autora conseguiu amarrar as pontas soltas das histórias até aqui,explicando muita coisa.
Diferente do livro anterior onde consegui me conectar rapidamente com o enredo,demorei um pouco a entrar de fato na história,o que ocorreu com o primeiro livro.Depois que a gente passa por isso,a leitura acaba fluindo de uma forma mais tranquila e prazerosa.Só que pra mim o livro só vai ficar bom de fato depois da metade,o que é muito se formos considerar que ele tem menos de 300 páginas.
Essa narrativa mais lenta aqui acabou me incomodando um pouco,mas acabei superando isso.
Outro ponto que me incomodou foi a Sarah.No final de tudo até acabei gostando dela,mas ela é muito forçada no início,querendo mostrar força e coragem em todos os momentos sempre de uma forma um tanto quando explosiva.Não me levem a mal,gostei da personalidade dela,ela é assim,mas só que a autora forçou demais em algumas situações.Quando ela é natural,vemos uma Sarah incrível,uma personagem com opiniões bem claras e próprias,com coragem sim,um humor ácido e sarcástico (amo!) e que conquista as pessoas.Não precisava a autora querer impor essa atitude dela em qualquer momento da história.Um pouco antes da metade da história,vemos uma personagem muito mais natural,e aí sim consegui me conectar com ela e admirar toda a força e coragem que ela tem.
Mais uma vez a Julia deu mostras de um conhecimento histórico interessante e amplo,nos apresentando a costumes da época e tornando o desenvolvimento da história bem enriquecedor.
O romance foi desenvolvido de uma forma leve,com pitadas de suspense,superação e muito amor.E a evolução do romance é tão simples,tão bonita e cativante...dá vontade de entrar no livro kkkkkkkkk
A narrativa da Julia é engraçada de uma forma sutil e com aquele tipo de humor sarcástico que amo de paixão,um humor inteligente e bem colocado dentro da história.Ela sabe navegar muito bem entre o drama e a comédia,sabe o tempo certo de colocar cada um deles dentro da história.
As cenas de ação realmente são de tirar o fôlego e ficar com o coração na mão.Juro que quando a bomba estourou lá pro final,fiquei tenso,devorei cada página pra chegar logo na solução (já sabia qual seria,mas mesmo assim fiquei tenso kkkkkkkkkkk).
Daniel e Honoria tem papéis importantes dentro da trama,no aconselhamento e nos acontecimentos.São personagens secundários com uma tremenda influência nos personagens principais.
O que falar de Hugh?Ficamos com muita raiva dele no início,depois vamos amolecendo nossos corações,pra depois de algumas revelações ficarmos com raiva dele de novo e depois.....bom,aí é com vocês hahahahhahaha
Resumindo:a autora conseguiu trabalhar as emoções da história,nos conduzindo dentro do ambiente e sentindo exatamente as angústias dos personagens.
Pra finalizar gente,esse é um romance simples,mas que cumpre bem o seu papel com algumas ressalvas,e que acaba sendo uma leitura bacana,um ótimo divertimento e que acaba tocando nossos corações.Valeu a pena!



"Freddie dissera que não tentara discutir com o marquês,e Hugh havia pensado:quem discutiria com um louco?
Finalmente encontrara a resposta.
Apenas outro louco."


"Não havia guardanapos;Frances não pensara em pegar nenhum.Sarah pôs a língua para fora e lambeu o canto dos lábios.
A língua dele.Os lábios dela.
A ruína dele."


"Daquele momento em diante,Sarah não se perguntou mais por que ele não sorria com muita frequência.Em vez disso,passou a se admirar por ele ainda sorrir."



Bom pessoal,por hoje é isso,espero demais que tenham gostado da resenha.Vou tentar ainda hoje e amanhã também deixar mais algumas resenhas programadas.Tem muita coisa legal pra comentar com vocês.
Então,Julia Quinn me conquistou sim,mas ainda não virei fã,mas vamos com calma que acredito que tem tudo pra minha estante ficar recheada com os livros da Julia kkkkkkkk
Meu preferido da série continua sendo Uma Noite Como Esta,mas vamos esperar pelo último.
É isso então galerinha,espero demais que tenham gostado.Não deixem de comentar o que acharam,vou adorar saber a opinião de vocês!!
Bom final de semana!
Grande abraço!!

2 comentários:

  1. Olá Cláudio
    Essa série ainda não li, mas sou fã de carteirinha da JQ rsrs
    Ahhhh que pena que não foi tudo o que vc esperava e que algumas situações foram forçadas.
    Massssss que bom que as pontinhas foram amarradas e as explicações agradaram.
    Assim a obra bem escrita entre drama e comédia, cumpriu bem o quesito entretenimento!
    Bjs Luli
    https://cafecomleituranarede.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luli!
      Dizem que essa não é a melhor série pra se começar a ler Julia Quinn,mas como era a que eu tinha aqui (e a mais curta kkkkkk) resolvi começar por ela mesma hahahahahaha
      Achei essa livro com muitos altos e baixos,diferente do livro anterior da série que foi sensacional.Vamos ver como ela vai fechar a série,espero que em grande estilo.
      Agora é partir pra ler Os Bridgerstons hahahahaha
      Beijos!

      Excluir